4 coisas que você (ainda) não sabe sobre os Comissários de Bordo

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

Você já se imaginou trabalhando nas alturas?

Imaginando ou não, o fato é que muitas pessoas têm curiosidade sobre como é essa rotina de trabalhar nas nuvens. E se você também compartilha dessa curiosidade, esse artigo é para você!

A seguir, conheça algumas coisas que você provavelmente ainda não sabe sobre os Comissários de Bordo.

  • Os Comissário de Bordo e as Aeromoças não estão lá só para sorrirem

Muitas pessoas acreditam que, para ser uma aeromoça ou um comissário de bordo, basta ter uma boa comunicação, ter empatia e ser simpático(a) com as pessoas. Embora essa seja uma parte muito importante do trabalho, uma vez que diz respeito ao conforto do passageiro durante a viagem, o trabalho de um comissário de bordo vai muito além disso.

Em primeiro lugar, precisamos entender que o avião é um meio de transporte. E como tal, ele precisa cumprir muitas normas de segurança. Normas essas que devem ser seguidas para ter uma viagem tranquila e sem erros.

Essas normas não são de responsabilidade apenas dos pilotos. Aeromoças e Comissários de Bordo também trabalham diretamente com a sua segurança durante o voo.

Por isso, quando uma aeromoça ou comissário de bordo te dar uma recomendação, não subestime! Esses profissionais são preparados para garantir uma viagem segura não só para você, mas para todos os passageiros.

  • Os comissários de bordo não se abalam em momento de turbulência

Se o avião está prestes a passar por uma turbulência, acredite! As aeromoças e os comissários de bordo estão preparados para enfrentar essa situação sem desespero.

Por isso, não se assuste com a paciência do comissário nessas situações. Eles foram treinados para isso e sabem que a ansiedade e o nervosismo em um momento como esse podem ser grandes inimigos.

  • Os comissários estão atentos aos casais mais aventureiros

Até mesmo muitos filmes no cinema e clipes musicais já exploraram o fetiche que um casal pode ter pelo ambiente do avião.

Por isso, os comissários já estão atentos para quando um casal tenta escapar da poltrona por alguns minutos para passar um tempo razoável na cabine do banheiro.

Embora ter relações sexuais no avião não seja um crime em todos os países, os passageiros não devem desobedecer às ordens do comissário caso ele ordene a saída da cabine. Afinal, há outros passageiros que podem estar precisando do sanitário.

  • Os comissários de bordo também combatem crimes

Essa pode até ser uma novidade para muitas pessoas, mas é real! Uma boa parte das companhias aéreas treinam os seus comissários com serviços avançados de Inteligência. A finalidade desse tipo de treinamento é prevenir crimes que possam ser cometidos no interior do avião.

Em alguns casos, os comissários de bordo têm um trabalho em parceria com a polícia, o que facilita esse processo.

Agora que você já leu as 4 coisas que você talvez não sabia sobre a incrível jornada dos comissários de bordo, que tal pesquisar mais sobre o assunto? Sempre há algo de novo para descobrir sobre essa profissão!

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×