Emergência a bordo: o que você vai aprender sobre isso no curso de comissária de bordo?

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

curso de comissária de bordo

Quem vê as comissárias de bordo andando pelo saguão dos aeroportos não imagina como o trabalho delas pode se tornar estressante de uma hora para outra. Até mesmo quem só tem contato com elas durante o embarque e desembarque não imagina que serão elas as responsáveis por manter a calma e segurança em caso de alguma emergência durante o voo.

Mas se você ainda está começando a sua carreira nessa área, não existem motivos para se preocupar. Isso porque saber lidar com as emergências a bordo é um dos conhecimentos que você irá adquirir no curso de comissária de bordo. Por isso, fique atenta ao post que preparamos hoje e entenda tudo o que você vai aprender durante a sua formação.

Diferentes tipos de emergências ensinadas no curso de comissária de bordo

Um ponto importante que precisamos esclarecer antes de mais nada é que existem diferentes tipos de emergências a bordo. Esse é um dos assuntos abordados no curso de comissária de bordo. Por exemplo, problemas mecânicos com a aeronave são diferentes de situações nas quais algum passageiro necessita de atendimento médico. Por isso, é importante que a comissária de bordo saiba diferenciar todas as diferentes situações que podem ser consideradas emergências. Esse conhecimento é fundamental para que ela possa entender exatamente como agir em cada situação.

curso de comissária de bordo

Fatores humanos e autocontrole

Outra coisa importante que você aprenderá no curso de comissária de bordo é sobre as reações humanas frente a situações de perigo. Isso porque é preciso saber medir o quanto a tripulação será transparente com os passageiros em caso de perigo. O objetivo aqui não é esconder nada, mas apenas evitar situações de pânico desnecessário. Ou até mesmo atrapalhar o trabalho da tripulação, principalmente quando eles precisam de concentração para realizar seus trabalhos com precisão. Por isso, também é importante saber manter o autocontrole, respirar com calma e não deixar que os passageiros imaginem que a situação é mais perigosa do que realmente é.

Procedimentos de emergência e segurança

Com todos esses fatores em mente, entendendo quais são as situações consideradas de emergência, chega o momento de aprender os procedimentos para lidar com cada uma delas. No curso de comissária de bordo, os alunos são expostos de forma teórica e prática a todas as possíveis emergências que envolvem a profissão.

Como falamos anteriormente, em caso de problemas técnicos na aeronave, a atuação da comissária pode ser decisiva. Por exemplo, caso aconteça um princípio de incêndio, ela deverá saber controlar o fogo antes que algo mais grave aconteça. Ou então, se um passageiro precisar de atendimento médico durante o voo, é função da comissária checar se há algum médico a bordo ou até mesmo aplicar os primeiros socorros até que a aeronave possa fazer um pouso emergencial.

O curso de comissária de bordo é obrigatório para todos os profissionais que desejam ingressar na aviação civil. É nele que os alunos aprenderão a lidar com situações de emergência e aplicar todos os procedimentos para que os passageiros cheguem em segurança aos seus destinos. Por isso, se você se interessa por essa carreira, certifique-se de que o curso escolhido tenha aulas práticas e teóricas sobre o assunto.

Você conhecia esse lado do curso de comissária de bordo? Conte nos comentários o que mais te fascina nessa profissão.

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×