Qual a média salarial de uma comissária de bordo nacional e internacional?

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

comissária de bordo

Existe uma fase na vida de todas as pessoas que envolve muitas dúvidas sobre o futuro e qual profissão escolher. Na maioria das vezes essa é uma decisão que impactará o restante da sua vida e não queremos nos arrepender dela. É nesse momento que buscamos muitas informações e tentamos aprender o máximo possível sobre quais são as melhores oportunidades de trabalho. Afinal de contas, quanto mais informações, melhor será a escolha.

Pensando nisso e em todas as mulheres que desejam se tornar uma comissária de bordo nacional ou internacional, preparamos o texto de hoje. Veja agora qual é a média salarial dessas profissionais e entenda se você deseja entrar para o mundo da aviação.

A média salarial de uma comissária de bordo nacional

Antes de mais nada, é importante entendermos quais são as tarefas que envolvem a profissão da comissária de bordo nacional. A maioria das pessoas acredita que elas são responsáveis apenas por receber os passageiros, dar as instruções de segurança antes da decolagem e servir o lanche durante o voo. Na realidade essas são apenas algumas de suas funções. As aeromoças também devem se certificar de que tudo aconteça dentro do previsto e das normas de segurança. Também devem mediar possíveis conflitos entre os passageiros e entender as necessidades de cada um deles durante a viagem.

Isto posto, o salário de uma comissária de bordo nacional é compatível com todas essas obrigações. Em média, eles começam entre os R$1.600,00 e R$2.500,00. Esses valores são para as iniciantes e recém-formadas. Para aquelas com mais experiência, eles podem chegar aos R$4.000,00, dependendo da companhia aérea. A base estipulada pelo Sindicato Nacional dos Aeronautas é de R$1.628,07.

comissária de bordo

A média salarial de uma comissária de bordo internacional

Para a comissária de bordo internacional os salários são mais altos. Além de todas as funções que já mencionamos para aquelas que fazem apenas voos domésticos, as que voam para outros países têm responsabilidades adicionadas à lista. Elas devem ser capazes de se comunicar fluentemente em outras línguas, principalmente o inglês, mas ter outros idiomas no currículo ajuda bastante. Também devem conseguir transitar bem entre diferentes culturas para que todos os passageiros possam ser respeitados e atendidos conforme seus próprios costumes.

De forma geral, a comissária de bordo internacional inicia a sua carreira como aeromoça nacional. Depois de alguns anos de prática e experiência, ela será promovida aos voos para fora do Brasil. Por isso, é natural que seus salários sejam mais altos. Em média, eles estão entre os R$5.000,00 e os R$7.000,00. Isso também vai depender da companhia aérea que faz a contratação. Para as mais experientes é possível ser contratada por uma empresa internacional. Ou seja, elas não ficam limitadas apenas às brasileiras e podem até mesmo firmar moradia fora do país.

A comissária de bordo é uma figura extremamente importante dentro de um voo, seja ele doméstico ou internacional. Por isso, as companhias aéreas estão sempre à procura de profissionais competentes e capacitadas para exercer suas funções com maestria. Se esse é o seu sonho, não espere mais nem um minuto para começar a sua capacitação. A melhoria do salário ao longo dos anos está diretamente ligada ao seu esforço e paixão pela aviação.

Você deseja se tornar uma comissária de bordo? Conte nos comentários o que te faz pensar nessa profissão para o seu futuro.

 

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×