Quero ser aeromoça: 4 dicas para mudar de profissão

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

mudar de profissão

Trabalhar como aeromoça é algo tratado como um verdadeiro sonho para várias mulheres que observam e se encantam com a rotina vivida pelos profissionais que atuam em uma cabine de avião. O mesmo vale para os homens, que podem atuar como comissários de bordo.

Muitas garotas que sonham em mudar de profissão enxergam a possibilidade de ser aeromoça como algo muito distante de suas realidades, tendo em vista o prestígio envolvido na carreira da comissária. Mas na prática não é bem assim que a coisa funciona.

O post de hoje aborda algumas dicas importantes para quem deseja um dia trabalhar nas companhias aéreas, mas não sabe bem como iniciar os passos que levarão a uma carreira cheia de recompensas e experiências incríveis.

1. Para mudar de profissão, primeiro se desfaça de ideias preconcebidas

Um dos fatores mais desmotivadores para quem deseja mudar de profissão e tentar a carreira em uma companhia aérea, são as próprias ideias das pessoas de que para ser aeromoça é necessário se enquadrar em uma série de fatores relacionados à idade ou aos “padrões de beleza” determinados por um virtual consenso coletivo. Esse tipo de conceito se encontra totalmente fora de moda. Basta perceber a diversidade de perfis de colaboradores que as companhias aéreas contam atualmente. O fator principal para ser contratado para uma empresa de aviação hoje em dia é a capacitação para o cargo.

mudar de profissão

2. Busque informações sobre como se capacitar

Pela complexidade do trabalho, as aeromoças precisam passar por longos e caros cursos até que estejam devidamente capacitadas para procurar trabalho, certo? Errado. A capacitação da aeromoça é algo que por ser extremamente técnica e prática, é realizada em um período curto de tempo e a um custo relativamente baixo. Verifique os cronogramas de estudos e os valores a serem pagos nos módulos de um curso de aeromoça antes de desistir por antecipação. Trata-se de algo que está ao alcance da maioria das pessoas que desejam mudar de profissão.

3. Ao se matricular em um curso de aeromoça, não fique com dúvidas nas matérias

Essa dica parece algo básico para todos que se propõem a estudar em um curso técnico, mas no caso dos módulos que compõem a capacitação da aeromoça, trata-se de algo fundamental.

As matérias a serem estudadas no curso de aeromoça devem estar muito bem compreendidas, em função do próximo passo do desejo de se tornar uma profissional de cabine, que é a prova da ANAC. Trata-se de um exame concebido para provar que a estudante é uma pessoa qualificada a exercer o cargo de aeromoça, e que vai servir de pré-requisito para que ela seja contratada por uma empresa de aviação.

4.   Converse com outras pessoas que fizeram o curso

Muitas dúvidas a respeito da empregabilidade, da qualidade do curso, das dificuldades da formação, entre outras, povoam a mente de quem deseja iniciar a carreira de aeromoça. A melhor forma de se tranquilizar diante desse tipo de situação é conhecer os depoimentos das pessoas que passaram por essa etapa e quais são as suas recomendações, tendo em vista o seu desejo de mudar de profissão.

Não perca mais nenhuma das nossas novidades. Curta agora a nossa página do Facebook!

 

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×