Todos os dias, a Delta voa de Salt Lake City para Houston, mas uma dessas viagens recentes foi um pouco diferente, repleta de garotas aprendendo sobre os bastidores da aviação. Nesse voo especial, que aconteceu na última semana, a companhia aérea levou 120 meninas entre 12 e 18 anos para o Johnson Space Center da NASA durante o International Girls in Aviation Day. O evento foi projetado para incentivar mais mulheres a entrar num campo dominado por homens, disse a Delta em comunicado .

As meninas, que vieram das escolas especializadas nas áreas STEM (Ciências, Tecnologia, Engenharia e Matemática), viram mulheres comandando cada detalhe de seu voo, disse Delta. O avião tinha uma tripulação e uma equipe de pilotos, agentes de rampa e de portão no chão e mulheres na torre de controle, dando instruções aos pilotos.

 

Durante o passeio, as garotas visitaram o Mission Control da NASA e almoçaram com a astronauta e engenheira aeroespacial Jeanette Epps. “Sabemos que a representação é importante”, disse Beth Poole, gerente geral de desenvolvimento, que iniciou o programa em 2015. “Estamos assumindo a responsabilidade de melhorar a diversidade de gênero expondo meninas em tenra idade e fornecendo os subsídios para que, daqui a dez anos, elas sejam as pilotos na cabine do Delta, inspirando gerações de mulheres que seguem”.

A Delta diz que 5% de seus pilotos são mulheres e que 7,4% das contratações últimos quatro anos foram mulheres. O Girls in Aviation Day foi um esforço mundial, e os organizadores dizem que mais de 20.000 pessoas participaram dos Estados Unidos, Canadá e Austrália, além de países da África, Ásia e Europa.



Fonte: AEROIN




Processando, aguarde...
https://ceabbrasil.com.br